Páginas

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Imãs

- As vezes,me sinto,como se tivesse muitos imãs,mas nenhuma geladeira.Disse ele,enquanto observava os pombos se alimentando de pão.
- Como assim? É como se ter muito amor,mas ninguem para amar?
- Mais ou menos,é como ter alguns sentimentos,para enfeitar uma grande vida que não tenho.
- Mas olhe pelo lado bom,as vezes é melhor assim,do que ter uma geladeira,sem imãs.
E todos os pombos voaram,deixando as migalhas do pão para trás.

2 comentários:

irreverente, Eu; disse...

ou cobrir a vida com enfeites.
Gostei, mas eu gostava mais da frase (:

Mary Roque disse...

Belíssimo ponto de vista. Adorei!