Páginas

sexta-feira, 29 de maio de 2009

Você

Conte-me,suas histórias,aquela vez,que caiu da escada,a outra historia,de como aprendeu a tirar fotos tao boas,não quero escutar sobre o que fala aquele livro chato do kafka,quero sabrer mais sobre você,o que te levou até aqui,e o que te fascina em um dia chuvoso.Quero atravessar a noite te conhecendo,qualquer palavra sua é mais interessante do que todo conteudo em uma biblioteca.Jura para mim,não falar mais sobre o quanto Kant,é importante,ou o quanto Rousseau entende da vida,não quero isso para nós,não quero conversas regadas ao um intelectualismo desnecessario,não mais.Eu quero é a sua visão de mundo,e o jeito como olha as pessoas.Nos não precisamos escutar nem chico,nem los hermanos,faça uma letra agora,e cante para mim,com a sua bela voz.Eu quero a sua verdade,e a sua vida,nada que não seja nos,permeiara em nossos encontros.

5 comentários:

Filipe disse...

Lindos versos, bonita história

Adorei o Blog xD

sei que a solidão te dói. disse...

AMEI , AMEI, AMEI . Muito lindo isso! Parabéns .

Rafaela Cotta. disse...

merda, o cometário de cima foi meu ,rs.

Vanessa disse...

lindo, lindo, lindo, lindo (...), lindo!

Y! disse...

' me conte sua vida,mas não me conte tudo'. adorei iuri =)