Páginas

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Assédio

Conheci a tristeza por intermedio da dor
Angustia mediocre,submerso da perda
Dramatico o coracao que fere,só por ferir
prefiro o silencio,do que seu grito

O tédio é um assédio ao meu corpo
e nao há rémedio,que me faça abrir os olhos
sou cético quanto a minha loucura
que é capaz de te envergonhar com tantas lagrimas

Conheci o tédio por intermedio do silencio
Mediocre estado de serenidade
dramatico coracao,subermo irreal
prefiro a falencia de suas palavras,do que a verdade saindo pelos poros

O drama é um assédio ao meu corpo
e nao há remedio que me faca feliz
sou cetico com a minha loucura
que é capaz de me envergonhar,com tantas lagrimas

Um comentário:

Marina disse...

tão boa que mecheu demais comigo